23 maio 2011

COISAS DE TODOS NÓS: MODELOS DE FAMÍLIA EM DEBATE EM CASCAIS

Encontros com Pais “Famílias, estabilidade e imprevisibilidade”
Data:  quinta-feira, 2 de Junho, 18h30
Local:  Biblioteca Municipal de São Domingos de Rana
Contacto: Gabinete de Comunicação e Relações Públicas, Câmara Municipal de Cascais
Tel. 21 482 51 62 | fax. 21 486 61 83 | e-mail: imprensa@cm-cascais.pt | www.cm-cascais.pt 

A Biblioteca Municipal de São Domingos de Rana recebe dia 2 de Junho, às 18h30, mais um encontro-debate no âmbito do programa "Coisas de Todos Nós". Dedicado ao tema “Famílias, estabilidade e imprevisibilidade”, o encontro é dirigido a pais e encarregados de educação e conta com a participação de José Gameiro, professor e psiquiatra, terapeuta familiar e autor.
Inserida no programa “Coisas de todos nós – educar em rede”, esta iniciativa pretende proporcionar a pais e educadores um espaço de reflexão com optimismo, sobre os diferentes modelos de famílias, suas dinâmicas diversas, os quais cortam com o mito de estabilidade associada à família tradicional.
Novos modelos familiares não implicam instabilidade, assim como o modelo tradicional não é sinónimo de estabilidade a longo prazo, pelo que, neste Encontro procura-se, a partir de uma intervenção inicial, discutir com a audiência estas novas e velhas configurações familiares e a sua implicação na educação parental.

Coordenado pela Câmara Municipal de Cascais e pela Federação de Associações de Pais de Cascais (FAP), o projecto Coisas de Todos Nós visa criar condições para que, numa intervenção em rede, envolvendo a Comunidade Concelhia se desenvolva um trabalho preventivo com Pais e Encarregados de Educação em espaço escola e comunitário. Tem como parceiros a FAP (Federação das Associações de Pais), AP 10 (Área pedagógica 10), Câmara Municipal de Cascais (Divisão de Intervenção Educativa e Acção Social Escolar e Divisão das Toxicodependências), a Fundação para o Estudo, Prevenção e Tratamento da Toxicodependência, o Ministério da Educação e o Instituto das Drogas e Toxicodependência.
Inscrições no próprio local. Entrada livre.

As Mulheres no início do século XX

AS MULHERES NO INÍCIO DO SÉCULO XX
Conferência por Ana Vicente
26 de Maio às 17h
Fundação Calouste Gulbenkian, Auditório 3
Entrada livre

Ainda é necessário referir numa conferência as mulheres portuguesas do principio do século XX?
Não eram elas a maioria da população?
Quem eram? O que faziam? O que pensavam?
Abrangendo o período entre 1900 e 1926, Ana Vicente procurará responder a estas perguntas e colocar algumas questões. 
Fotografia: 
Funcionárias da Junta de Crédito Público, 1911
Actual Instituto de Gestão do Crédito Público
Autor: BenolielJoshua, 1873-1932 

Organização:      
Tel. 21 346 67 22

15 maio 2011

Portugal explicado aos finlandeses

Aristides de Sousa Mendes, salvou mais pessoas que Oskar Schindler.

video
from youtube

No video feito pela Câmara Municipal de Cascais "O que os finlandeses precisam de saber sobre Portugal?".
No final da Conferências do Estoril - 2011, o Presidente da Câmara de Cascais, Dr. Carlos Carreiras, apresentou os portugueses aos finlandeses.
Lopussa Estoril Conference - 2011, kaupunginjohtaja, Dr. Carlos Carreiras esitteli Portugalin suomalaisille.

O que os Finlandeses precisam de saber acerca de Portugal.
What the Finns need to know about Portugal.
Mitä suomalaiset tarvitsee tietää Portugali.

Fonte: http://beijozxxi.blogspot.com/2011/05/sousa-mendes-figura-no-video-que-da.html

03 maio 2011

Soroptimistas apoiam campanha a favor da educação de mulheres e raparigas

Sabia que uma em cada quatro mulheres no mundo ainda não sabe ler nem escrever?
Por isso um dos Objectivos do Milénio é de atingir tornar a instrução primária universal até 2015.


Portugal é um dos países onde as mulheres levaram mais tempo a ter acesso à educação, que é um direito de todos nós.
Conhece alguma mulher que não saiba ler, quer contar a sua história?
E conhece alguma mulher cuja vida foi transformada pelo acesso à educação?
Quantos vidas dramáticas estarão escondidas nas estatísticas da iliteracia?
Esta semana de 2-8 Maio, junte à campanha a favor da educação de mulheres e raparigas.
Visite www.globalactionweek.org  

Sylvia Borren vai receber Prémio Soroptimista da Paz

The Peace Prize of Soroptimist International of Europe, which is conferred every two years,
honours people or organizations deserving special recognition for their remarkable
achievements to promote peace. In the past, it has  been awarded to outstanding women
such as Carla del Ponte, former Chief Prosecutor of the UN International Criminal Tribunal,
Vera Bohle, consultant at the Geneva International Centre for Humanitarian Demining, and
Valdete Idrizi, peace activist from Kosovo. This year’s Peace Prize will be presented at the
Governors’ Meeting of Soroptimist International of  Europe in Palermo, Italy, on 28th May
2011.
Sylvia Borren has had a long and impressive career  as a leader in civil society and global
movements through her commitment to fighting poverty and her efforts to further democracy
and gender equality. As a long-time Executive Director of Oxfam-Novib and co-chair of World
Connectors she has put many of her ideas successfully into practice. In February 2011 she
was nominated the new Executive Director of Greenpeace Netherlands.
Source: http://www.soroptimisteurope.org/data/file/Peace%20Prize%202011%20Press%20Release%20E%2020-04-2011.pdf