04 dezembro 2011

Em memória de Teresa Rosmaninho antiga Presidente da União de Portugal

Serviço de Informação às Vítimas de Violência Doméstica 
Número verde gratuito 800 202 148 


Teresa Rosmaninho, psicóloga clínica,  presidente fundadora do clube Soroptimist International Porto Invicta e antiga presidente da União de Portugal faleceu em Setembro (1955-2011).  A União de Portugal inclui também os Clubes de Caldas da Rainha, Estoril Cascais, Évora, Lisboa Sete Colinas, Lisboa Fundador e Setúbal.


Teresa Rosmaninho tinha um sonho. Sonhava com um mundo sem violência. E trabalhava todos os dias para o construir, mobilizando vontades e recursos e ultrapassando obstáculos.  
Enérgica, bem humorada e dinâmica, ela demonstrava com a sua liderança o melhor dos ideais soroptmistas:  Compreender, Defender, Agir  (Awareness, Advocacy, Action)


Teresa Rosmaninho deixa um trabalho notável na protecção às vitimas de violência doméstica e na defesa dos direitos humanos em Portugal. Em 1994 fundou, através do clube Soroptimist International Porto Invicta, o «Porto de Abrigo», uma casa de apoio a mulheres vítimas de violência doméstica. Foi assessora do Ministério da Justiça e dirigente do projecto INOVAR do Ministério da Administração Interna, destinado a melhorar o atendimento às vítimas de crime, na GNR e PSP e foi autora de uma manual sobre a violência doméstica destinado à comunicação social. 

Sentidos pêsames à sua família e às amigas soroptimistas. 

Foi um privilégio conhecer e trabalhar com Teresa Rosmaninho nos projectos soroptimistas. 
Deixe aqui o seu testemunho e os seus desejos para as soroptimistas em Portugal. 
 

Nascida no Porto, a 25 de Abril de 1955, Teresa Rosmaninho  tinha 56 anos. Ex-assessora do Ministério da Justiça, desenvolveu um extenso trabalho de campo na área social.   Activista dos direitos das mulheres, fundou o “Porto de Abrigo”, casa de apoio no Porto para vítimas de violência doméstica, gerido pela “Soroptimist International Porto Invicta”, de que foi a primeira presidente.
Licenciada em psicologia clínica no Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA), fez estudos complementares na Inglaterra, Holanda e Suíça. Auditora de Defesa Nacional, Teresa Rosmaninho foi Técnica Superior do Ministério da Justiça e dirigiu o projecto INOVAR do Ministério da Administração Interna, destinado a melhorar o atendimento, na GNR e PSP, às vítimas de crime. 
Militante do MRPP entre 1973 e 1975, Teresa Rosmaninho era militante do PS desde 2009.
Ver também Rede de casas abrigo não é suficiente , Crime quase sem castigo
Porto24 , Porto Canal , Público
Obituário de Teresa Rosmaninho, JNNotícias de Gaia, A Bola, APMJ, AIDSSP,  testemunhos, Intervenção , Notícias da TrofaConheci Teresa
Soroptimistas na campanha da UNIFEM contra a violência contras as mulheres
Violência doméstica mata mais , Ver CIG Cidadania e Igualdade de Género


Serviço de Informação às Vítimas de Violência Domestica
Número verde gratuito 800 202 148 
Enviar um comentário