17 março 2012

Desde 2004, foram assassinadas 241 mulheres


Cada vez mais mulheres vítimas de violência doméstica resistem a sair da casa onde vivem com os agressores. As associações de apoio dizem que o medo resulta da crise. No dia em que Governo lança uma campanha de alerta, recordamos os números cada vez mais preocupantes.
Até Novembro de 2011,  o Observatório de Mulheres Assassinadas contou 23 vítimas.
O número é baseado nos casos divulgados pelos meios de comunicação social.

Desde Janeiro, 39 mulheres foram vítimas de tentativa de assassinato.

Uma em cada três mulheres vítimas de violência doméstica tem mais de 65 anos.

Desde 2004, o Observatório das Mulheres Assassinadas conta 241 mortes.

Fonte: http://sicnoticias.sapo.pt/pais/article1037433.ece


Enviar um comentário